quinta-feira, 3 de março de 2011

Recife Frio

Nome Original: Recife Frio
Diretor: Kleber Mendonça Filho
Ano: 2009
País: Brasil
Elenco: Pedro Bandeira, Andrés Schaffer, Julio Rocha.
Prêmios: Melhor Ficção, Filme pelo Juri Jovem e Juri Popular no Curta Cinema - Festival Internacional de Curtas do Rio de Janeiro. Melhor Roteiro, Filme e Diretor no Festival de Brasília do Cinema Brasileiro. Melhor Roteiro e Diretor no Cine PE. Melhor Filme no Mostra de Cinema de Tiradentes, no Festival Internacional de Cinema e Vídeo Ambiental (GO) e no Festival Luso-Brasileiro de Santa maria da Feira.



O ser humano é o provocador de tudo o que acontece ao nosso redor. Somos responsáveis pelo que cativamos e pelo que destruimos. Se “Uma Verdade Inconveniente” retrata o que a fizemos com a camada de ozônio, aqui podemos ver como um sinal divino, de luz, ou de ameaça com um meteorito que tranforma uma cidade quente em chuvosa e sem graça. Recife torna-se São Paulo. São Paulo é o deserto agora. Quem dizia que o Sertão vai virar mar, esqueceu de dizer que a cidade virará Saara. Mas nem tudo é verdade! Duvidemos até das mais inconvenientes...

Quando absurdo passa por verdade, aí está uma idéia original criativa e que deve ser observada. Recife Frio é tão absurdo quanto São Paulo Cidade sem Enchente. Quem poderia imaginar uma cidade atingida por um meteorito mudaria todo o clima, do sol à chuva eterna, das praias aos shoppings lotados. Uma ficção científica possível, apesar dos cômicos exageros, onde a mudança de comportamento vai além de um simples acontecimento. A mudança está em cada um. Recife talvez nunca seja frio, mas quem é de lá, pode ficar.

A culpa toda é de Kleber Mendonça Filho que brinca de brincar de mudar tudo. Faz de uma idéia louca, um filme louco, mas que faz rir, refletir e imaginar o que leva alguem a pensar em algo assim. A criatividade é um recurso inacabavel e Kleber nos prova isso. Grande feito, um dos melhores curtas dos últimos tempos. Merece ser visto e o absurdo é não querer ver. Papai Noel que se mude pra Recife!

Vitor Stefano
Sessões

Um comentário:

  1. Este curta-metragem reúne ícones populares do Recife, falsos depoimentos e fatos, tudo isto aliado à aflição que o calor provoca, em um delírio-devaneio fantástico de frio, neve, casacos, gorros, cachecois etc, materializando uma vontade simples de sentir um dia fresco no Recife.
    Maravilhoso, assistam!

    ResponderExcluir

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...