sábado, 5 de março de 2016

Divertida Mente


Nome Original: Inside Out
Ano: 2015
Diretor: Pete Docter e Ronnie Del Carmen
País: EUA
Elenco: Amy Poehler, Phyllis Smith, Richard Kind, Bill Hader, Lewis Black, Mindy Kaling, Kaitlyn Dias, Diane Lane e Kyle MacLachlan.
Prêmios: Oscar, Globo de Ouro e Bafta de Melhor Animação
Divertida Mente (2015) on IMDb


Estamos dentro de um cérebro. Não estamos vendo aquelas gosmas e caminhos esbranquiçados com aparência de couve-flor. O que vemos é uma mesa de controle e sentimentos controlando memória e ações. A cabeça é de uma criança, a pequena Riley, e os sentimentos que estão fazendo tudo funcionar são: Alegria, Tristeza, Nojinho, Raiva e Medo. Quem comanda a parada é a Alegria, onipresente e onisciente, sempre à frente dos outros, sempre ativa e cativante. Sem dúvida, trata-se apenas de uma criança. Mas a vida não é feita apenas de felicidade, não é mesmo?

A partir da mudança da família da fria Minnesota para a calorosa San Francisco, a já pré-adolescente começa a ter suas dúvidas e frustrações, o que acaba bagunçando um pouco o reinado da Alegria. Numa guerra de egos e de curiosidade, Alegria e Tristeza se exaltam, se estranham e acabam deixando Riley a mercê do Medo, Raiva e Nojinho. A partir daí vemos uma busca clara pelo controle e auto conhecimento, onde um sentimento não é mais importante que o outro - eles se complementam e trabalham juntos para não deixar que um tilt aconteça na cabeça de ninguém.


Um roteiro lindo e uma aula de neurofisiologia que se desenvolve em cima dos sentimentos antagônicos, com gráfico atrativo e bom ritmo. Ótimo para crianças e os pais embarcam juntos. O filme acaba apelando por vezes ao conhecido melodrama dos últimos filmes da Pixar, mas que nesse caso só da mais força pra todo drama interno desenvolvido. Interessante demonstrar que a Alegria é sempre o “mais legal”, mas há sempre espaço e vez para a “Tristeza”.

Vitor Stefano
Sessões

Um comentário:

  1. Esse filme é lindo. Nos ajuda a entender que todos esses sentimentos nos são necessários em algum momento de nossa vida. Uma boa forma de aprendizado tanto para adultos como para crianças.

    ResponderExcluir

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...